Seguidores

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Peixeiras de Portimão



Numa rotunda em Portimão, vi este monumento lindo!
Não sei nada sobre quem fez, quem construiu, ou o porquê... Só sei o que vi, que aqui vos mostro-são três varinas, uma dá de mamar a seu bébé, certamente no intervalo de seu trabalho, outra corta, com uma tesoura, a cabeça a uma sardinha, que deve ser para conserva, a terceira transporta os cestos com o pescado. Espalhadas pelo chão há várias sardinhas (pelo menos parecem) e há também várias latas de conserva empilhadas... o que me leva a crer que este monumento visa as mulheres que trabalham nas fábricas de conserva da sardinha.

4 comentários:

Maria Ferreira disse...

Serão peixeiras ou operárias? Eram com toda a certeza mulheres que trabalhavam no duro. Gostei de ver esta homenagem.

Maga disse...

Quando fiz a pergunta a um filho da terra, foi-me respondido que eram peixeiras, mas como a fonte não é fidedigna, fica a dúvida...

Marco Andrade disse...

Estas senhoras eram operarias conserveiras das fabricas que aqui existiram.nao havia horario,quando a sirene especifica de cada fabrica tocasse,la iam elas rapidamente(as vezes com o filho nos bracos,porque havia na fabrica uma creche) para o seu posto de trabalho;o horario era das 8 da manha ate meia noite;por exemplo se tocasse a sirene as 22 horas tinham-se que se apresentar ao trabalho e ai faziam serao ate que houvesse peixe para arranjar( tirar a cabeca has sardinhas) ate por exemplo as 3 da manha.e no outro dia poderia haver barco com peixe ou nao,porque se chega-se outro as 8 da manha tinham que alinhar outra vez.isto nos meses de verao.porque de inverno havia outras tarefas.conclusao uma vida dura......por meia duzia de tostoes.

Maga disse...

Marco, fico muito grata. Primeiro por ter visitado meu blog, o que é sempre uma satisfação. Depois pela magnífica narrativa acerca deste monumento, o que enriquece as fotos que postei..
Muito obrigada, volte sempre
Maga