Seguidores

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Nevoeiro



Há dias, abateu-se denso nevoeiro na zona de Lisboa. Na altura fiquei com nevoeiro na alma, no coração e quis esquecer...
Mas, se o virmos com olhos mais românticos, com outro estado de alma, chegaremos á conclusão que, como tudo nesta vida, também o nevoeiro pode, ás vezes, ser soturno, ás vezes, ser lindo, artístico, envolvente...
Digam lá se é verdade ou não, que o meu bairro nesses dias, que eu na altura achei tão tristes, não ganhou outros contornos, outra beleza?

6 comentários:

Maria Ferreira disse...

Sem dúvida, é preciso é conseguir ver o lado positivo de qualquer coisa seja ela o que for. Para não variar gostei muito das fotos.
Beijos
Maria

Maga disse...

E para não variar, a Maria Ferreira é a própria simpatia...
Um beijão

Elisabete disse...

Lindinha!! mande um pouquinho desse nevoeiro aqui pro Brasil, mais precisamente pra rio preto, please dear, bjs

Maga disse...

Segue uma garrafa cheia de nevoeiro para a Bete, lá no outro lado do Atlântico... só não sei quanto tempo demorará a chegar!
Bjos.

Elisabete disse...

só uma garrafa??? muitíssimo pouco, não vou me contentar!!! quero toda essa imagem aqui na minha frente, já sinto o geladinho do ar!!!
mas nem posso reclamar, pois a chuva veio nos visitar e me alegrar, fico feliz, feliz...
somente eu pra gostar assim desse clima!
bjs querida...

Maga disse...

É realmente só 1 garrafa, mas eu não disse o tamanho da garrafa...
Bjos.