Seguidores

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Mãe Nazarena



Ao passar mais uma vez pela linda vila piscatória da Nazaré, vi o monumento lindo, dedicado á Mãe Nazarena que com seus filhos, um nos braços, outra ás saias agarrada, cabeça pesada com sua canastra carregada de peixe e de vida, tenta avistar ao longe, no mar revolto, o barco que trará de volta seu homem, seu amparo, seu amor... Só então seu coração de mulher amainará a ânsia e será seu coração de Mãe a receber o homem cansado, o pai de seus filhos...
Tantos pormenores lhe achei, que a todos tentei incluir na foto... espero que dê para se ver de tudo um pouco...

8 comentários:

Noah disse...

Que foto maravilhosa que realmente nos leva a várias reflexões, ela ter os filhos a ela agarrados e ter a 'vila' na cabeça não sei não se o homem tem a ver com isso, me parece que ele se foi e ela tem que resolver.
Bj♥ e semana linda pra você

Maga disse...

Obrigada amiga Noah pelas tuas reflexões, têm tudo a ver com a minha maneira de ver a escultura!
Um beijo da
Maga

Mizinha disse...

Realmente muito linda essa imagem! Nós faz refletir muito sobre a grande importância que é o trabalho das mulheres,em relação ao mundo, e mesmo assim, ainda caladas passamos quase despercebidas por muitos, Vejam o trabalho de uma dona de casa! tudo é feito com muito amor, e as vezes nem é notado...se esquecem de até agradecer, mesmo assim o mundo cresce, ainda bem que existem pessoas divinas que lembram de nos homenagear com uma linda escultura. Obrigada amiga por nos nostrar essa bela obra e texto.Bjs

Maria Ferreira disse...

Maga adoro a forma como descreves a imagem e o que ela representa. Beijos
Maria

Maga disse...

Mizinha, como tu tens razão! O trabalho da mulher é tão importante, direi até que é essencial, mereceria certamente loas de louvores, agradecimentos e o reconhecimento de marido, de filhos, de todos aqueles que usufruam dele... infelizmente também tens razão quando dizes que muitas vezes nem é notado nem agradecido. E são mais as vezes que passa despercebido do que as vezes que é reconhecido!
Um beijo amiga
Maga

Maga disse...

Maria, tu que certamente conheces a escultura, sabes que não pintei nada em cor de rosa...
Um beijo da
Maga

Faniquito disse...

Ai que lindo!!! POis é ainda hoje as mulheres carregam o "mundo" (sob vários aspectos:) à cabeça e suportam sempre com muita garrra e força as adversidades , mesmo sózinhas. E nem assim perdem o seu lado romantico- estão sempre a espera de um amor por mais modernas que sejam. Enfim, não mudou muita coisa não. hehehe

Saudades de ti....e sim, minha amiga, são as cerejas que me fazem perder a linha nessa época do ano.:)

Beijinhos

Ana

Maga disse...

Ana, ainda bem que já mexes!
É verdade o que dizes da Mulher, carregando o "mundo"... mas não acho que ela se deva sentir infeliz por isso. Ela terá é que se sentir orgulhosa da força e tenacidade de que é feita e que lhe dá o poder de carregar o "mundo"...
Um beijo para ti e para a Paulinha da
Maga